LaravelConf Taiwan 2020 CFP Started

file_put_contents

(PHP 5, PHP 7)

file_put_contentsEscreve uma string para um arquivo

Descrição

file_put_contents ( string $filename , mixed $data [, int $flags [, resource $context ]] ) : int

Esta função é idêntica à chamar fopen(), fwrite() e fclose() sucessivamente para escrever dados em um arquivo.

Se filename não existir, o arquivo é criado. Do contrário, o arquivo existente é sobrescrito, a não ser que a flag FILE_APPEND seja definida.

Parâmetros

filename

O caminho para o arquivo onde escrever os dados.

data

Os dados a serem escritos. Pode ser uma string, um array ou um recurso stream (explicado abaixo).

Se data for um recurso stream, o buffer restante desse stream será copiado para o arquivo especificado, semelhante à utilização da stream_copy_to_stream().

Você também pode especificar o parâmetro data como um array unidimensional. Isso é equivalente a file_put_contents($filename, implode('', $array)).

flags

O valor de flags pode ser qualquer combinação das seguintes flags (com algumas restrições), unidas com o operador binário OR (|).

Flags disponíveis
Flag Descrição
FILE_USE_INCLUDE_PATH Procura o arquivo filename nos diretórios de include. Veja include_path para mais informações.
FILE_APPEND Se o arquivo filename já existir, acrescenta os dados ao arquivo ao invés de sobrescrevê-lo.
LOCK_EX Adquire um bloqueio exclusivo enquanto estiver escrevendo.
FILE_TEXT Os dados de data são escritos em modo texto. Se a semântica unicode estiver habilitada, o encoding padrão é UTF-8. Você pode especificar um encoding diferente criando um contexto personalizado ou alterando o encoding padrão utilizando stream_default_encoding(). Esta flag não pode ser usada com FILE_BINARY e está disponível apenas a partir do PHP 6.
FILE_BINARY Os dados de data serão escritos em modo binário. Esta é a opção padrão e não pode ser utilizada com FILE_TEXT. Esta flag está disponível apenas a partir do PHP 6.

context

Um recurso de contexto válido criado com stream_context_create().

Valor Retornado

A função retorna a quantidade de bytes que foi escrita no arquivo ou FALSE em caso de falha.

Changelog

Versão Descrição
5.0.0 Adicionado suporte a contexto
5.1.0 Adicionado suporte a LOCK_EX e a possibilidade de passar um recurso de stream para o parâmetro data
6.0.0 Adicionado suporte às flags FILE_TEXT e FILE_BINARY

Notas

Nota: Esta função é binary-safe.

Dica

Uma URL pode ser utilizada como um nome de arquivo se fopen wrappers estiver ativo. Veja fopen() para mais detalhes em como especificar URLs como nome de arquivo. Veja também the Protocolos e Wrappers suportados para informações sobre que capacidades cada wrapper tem, notas de uso e informações sobre variáveis predefinidas fornecidas.

Veja Também

add a note add a note

User Contributed Notes

There are no user contributed notes for this page.
To Top